Webmail

CAEMA é destaque em Congresso Regional de Engenharia Sanitária e Ambiental

 
O 1º Congresso Brasil Norte de Engenharia Sanitária e Ambiental, realizado entre os dias 16 e 19 de agosto de 2017 no Pará, classificou três trabalhos científicos submetidos por funcionários da Gerência de Meio Ambiente e Recursos Hídricos (EMAR) da CAEMA. O Congresso foi organizado pela Associação Brasileira de Engenharia Sanitária e Ambiental (ABES).
 
O evento contemplou a I Mostra de Pesquisa, Inovação, Sustentabilidade e Responsabilidade Socioambiental, onde foram apresentados trabalhos de todo o país focados na proposta de soluções tecnológicas, inovadoras e sustentáveis em serviços de saneamento ambiental.  Na ocasião, a EMAR teve a oportunidade de compartilhar as boas práticas da CAEMA por meio da apresentação dos trabalhos “As Leis e o Parque Estadual do Bacanga”, conduzido pela funcionária Suely Gonçalves; “Resultados Preliminares da Obra de Despoluição do Rio Pimenta”, conduzido pelo engenheiro ambiental Wagner de Jesus e “Identificação do Número de Casos de Dengue, Zika e Chicungunya no Ambiente de Trabalho da CAEMA”, apresentado pelas funcionárias Nazareth dos Santos Silva, Lenimar Veiga e Tereza Cristina Cantanhede.
 
 
 
 
 
A especialista em Gestão de Cidades, Suely Gonçalves, enfatizou a importância do evento para a troca de experiências em favor ao enfrentamento dos problemas no setor sanitário. “Por ter propiciado a apresentação de trabalhos de todo o país e debates com foco em serviços de saneamento, o congresso representou uma oportunidade ímpar para conhecimento e registro de experiências sobre como a sociedade e o poder público estão buscando soluções para confrontar os problemas de saneamento ambiental”, disse.
 
Com o tema central “Pesquisa, Inovação, Sustentabilidade e Responsabilidade Sócio –Ambiental, a primeira edição do evento teve o objetivo de criar um espaço para o debate, compartilhamento e levantamento de alternativas inovadoras, sustentáveis e viáveis tecnologicamente para a condução dos serviços de saneamento, preservação do ambiente e uso sustentável dos recursos naturais na região amazônica. Além da mostra de trabalhos científicos também fizeram parte da programação do evento diversas palestras, exposições e uma visita técnica ao Parque Estadual do Utinga.